domingo, 28 de março de 2010

A Poesia me enche de esperança!

Oi gente! Seguem algumas fotos da nossa comemoração do Dia Nacional da Poesia, realizada em 26 de março de 2010. O evento foi uma realização do Grupo Casarão de Poesia (do qual sou integrante), da UFRN, do IFRN e do Governo do Estado, através da Fundação José Augusto, além de vários colaboradores. Foi um dia muito especial. As fotos são todas de Wescley J. Gama.

Grupos Cordel do Pau Quebrado e Casarão de Poesia interagindo com a meninada nas escolas públicas da cidade. Ao todo, cerca de 400 estudantes foram contemplados com esse dia especial, desde crianças, adolescentes, portadores de necessidades especiais, do centro às periferias. (Na foto, alunos da E. M. Gilson Firmino).


Mini-curso "Contos de um passo perfeito", com a escritora currais-novense Maria Maria. Atividade realizada no Casarão de Poesia, na manhã do evento, que atingiu um público de aproximadamente 80 estudantes. (Na foto, uma turma de 1ª série do Ensino Médio da E.E.Capitão Mor Galvão. Antes deles, alunos do 9º ano da E.E. Tristão de Barros tiveram contato com a escritora, importante momento para os estudantes que já tinham lido seus contos).




Mesa-redonda sobre a poeta Zila Mamede. Nela, as poetas Marize Castro, Valdenides Dias e Maria José Mamede. Um momento único pra quem admira a poesia de Zila. Percebê-la em sua humanidade nos faz ainda mais admiradores dela. Uma mesa de peso, essa. Eu, particularmente, me emocionei em conhecer Marize. Criatura inspiradora e verdadeira. O debate ocorreu no auditório do IFRN, na parte da tarde.



A criançada, no fim da tarde, fez uma festa na nossa casa. Aconteceu o Cine Casarão, com a exibição do filme "Kiriku e a Feiticeira", uma produção francesa que conta tradicionais lendas africanas em uma animação belíssima. Meu filho assistiu acho que pela 567ª vez. O filme faz parte do acervo do Casarão e já trouxe emprestado pra casa inúmeras vezes, porque meu filhote é fã. Mais de 20 pessoas, entre mães e filhos, vivenciaram esse começo de noite tão agradável e divertido!



Os shows da nossa noite poética iniciaram-se com o Grupo Claviolar. Excelente repertório, de Cátia de França a Xangai, intermediados por canções autorais belíssimas! Parabéns a esses talentos currais-novenses!


A 2ª atração da nossa noite poética foi o Grupo Brocoió. Samba maneiro, lindeza de voz a dessa menina Érica, nostalgia profunda por esses sambas e suas sensações sempre tão extasiantes! A apresentação do Grupo ainda teve uma pitada da finíssima MPB, com as participações de Wescley J. Gama e Donizete Lima. Noite linda!


O show da banda natalense Rosa de Pedra encerrou a nossa festa poética, com tanta energia, loucura, lindeza, serenidade, emoções tantas e tontas que ainda nem me sinto sóbria de alma pra falar com a verdade dos fatos. Até porque prefiro a verdade da Poesia, essa que me acende as lanternas do coração. Belíssimo show, poesia ecoando por esse sertão! "Me devolva pro sertão/ Me devolva pra ser tão/ Me devolta pr'eu ser tão/ Me devolva!"
Das raízes às alturas!!!
Texto de Iara Maria Carvalho

Um comentário:

luma carvalho disse...

Nossa! Como estou feliz pelo Dia e pela Noite que festejamos a Poesia aqui em Currais Novos... Sinto-me orgulhosa de fazer parte desse grupo - O Casarão de Poesia - que cada vez mais vem mostrando a cidade e porque não ao mundo (ixi!!! sou metida, viu!), que é possível sim aproximar o povo da cultura, daquilo que faz tão parte dele, das suas raizes, mas que "outros" preferem sempre à margem...

Beijos a todos do Casarão e Amigos
Com Sabor de "a poesia quando chega não respeita nada" ... nada nada nada

luciana
luma
lua